O cuidado com a higiene e a biossegurança nos laboratórios de próteses

Os profissionais dos laboratórios de próteses muitas vezes esquecem que os moldes, modelos, entre outros objetos entraram em contato com a saliva e/ou sangue do paciente. Considerando que qualquer paciente é passível de portar algum tipo de doença infecciosa como a Hepatite (A, B, C, Delta e E), herpes, tuberculose, candidíase e até mesmo patologias como a Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (AIDS), torna-se indispensável à desinfecção adequada de qualquer material que chegue ao laboratório.

Continue reading “O cuidado com a higiene e a biossegurança nos laboratórios de próteses”