Personal branding para um dentista

personal-branding-para-um-dentista

Personal branding para um dentista

Vamos supor que uma nova família se mude para a sua vizinhança e pergunte aos seus vizinhos se eles sabem conhecem um bom dentista. Felizmente, alguns deles são seus pacientes e você tem certeza de que fez um excelente trabalho com eles. Mas eles conseguem descrever o que diferencia a sua prática de seus colegas? Se você duvida, provavelmente é hora de considerar o personal branding. 

O que personal branding?

O termo branding significa “marca” em Inglês. Começou a ser utilizado na época da conquista do Oeste americano, a expressão “marca” referia-se à utilização de ferro quente para identificar o gado. Com o tempo, o termo “Branding” tomou um sentido mais geral, referindo-se à projeção de produtos e serviços de “marcas” comerciais. Este conceito tem continuado a evoluir e agora se refere ao que cerca sua marca, seus produtos ou serviços. São valores transmitidos sobre a sua identidade. Hoje em dia, branding significa controlar os parâmetros que compõem a imagem de uma marca, ou seja, a sua reputação.

Personal branding é um conceito que foi desenvolvido pela primeira vez em 1937, escrito pelo autor americano Napoleon Hill, e voltou para o foco muito mais tarde, com a expansão da internet. Ao contrário do branding, que visa promover um negócio ou produto, personal branding é aumentar a simpatia de uma pessoa e ajudá-la a construir sua imagem e seus valores.

Em uma última análise, o guru do marketing John Jantsh resume o que é o branding aplicado aos indivíduos. Ele o define como “a arte de desenvolver uma imagem reconhecível, significativa e que pode ser confiável”.

Diferenciar as habilidades de comunicação e construir a imagem pessoal.

Marketing é o ato de comunicar eficazmente a informação. Na odontologia, a informação assim transmitida pelo dentista fortalece a relação médico-paciente, o valor  deixado para paciente na sua experiência nessa relação, muitas vezes sinônimo de operações bem sucedidas. Construir a sua marca na odontologia ou construir sua “marca pessoal” é agir sobre a percepção de que o público terá na mente a imagem da empresa em geral, mas principalmente, a do dentista e do atendimento que foi recebido.

Reputação é fundamental para todos, mas especialmente para os profissionais médicos, que firmam sua base em confiança. Qualquer detalhe é discutido e pode tomar proporções enormes.

“O DENTISTA” entre dentistas

Qual a melhor maneira de inspirar confiança em seus pacientes a assumir uma abordagem ativa no relacionamento que você tem com eles?

Muitos pacientes costumam falar no seu convívio, detalhes sobre sua vida diária. Uma conversa rápida depois de uma operação  é suficiente para disseminar sua experiência no seu consultório. Pequenos detalhes, como uma visita rápida para checar como o paciente está pode ser decisivo na qualidade da opinião que ele irá disseminar a seu respeito. Eles buscam um profissional que se preocupa com seu bem-estar.

Esta é a conclusão de um estudo realizado nos EUA em 1994 (e Gerbert coll.1994; Yamalik 2005b) e em que os pacientes dos consultórios odontológicos pesquisados foram solicitados a classificar quais são as habilidades e qualidades mais importantes para ser um bom dentista, na opinião deles. Entre as principais qualidades, eles citaram: “respeito aos sentimentos de seus pacientes, envolvimento, abertura e honestidade.” No fim, o conhecimento clínico do dentista não está nem mesmo entre as três primeiras. Isso se dá porque os pacientes tendem a avaliar os dentistas com base na sua experiência pessoal, e não no trabalho do praticante.

Como desenvolver sua própria estratégia de personal branding?

Para começar faça-se uma série de perguntas para identificar os pontos fortes da empresa: O que faria com que os pacientes escolhessem o meu consultório, em vez de qualquer outro? Qual é o meu objetivo praticando odontologia? O que eu posso melhorar no meu desempenho? A imagem que os pacientes têm de mim é a imagem que eu gostaria de passar?,Quais serviços posso adicionar ao meu atendimento para melhor atender as expectativas de meus pacientes? “, Etc.

Tenha em mente que, se sua imagem é parcialmente baseada em sua capacidade de criar uma identidade visual limpa, imediatamente reconhecível,  e que esteja conectada à sua capacidade de construir relações fortes e duradouras com seus pacientes, baseadas na confiança e respeito mútuo. Escolha os canais pelos quais você quer se relacionar com eles e compartilhe bons conteúdos. Nunca deixe seus pacientes sem resposta e procure sempre tirar todas as suas dúvidas e seja sempre honesto consigo mesmo e com seus pacientes.
Personal branding se constrói, principalmente com um bom relacionamento.

No Comments

Post a Reply